15 novembro 2007

World of Warcraft, ou porque o blog está com traças

Faz tempo que não escrevemos algo por aqui. Não sei quanto aos motivos do Chapado, mas vamos aos meus. Não publico nada nesta casa desde que comecei a jogar World of Warcraft, talvez um dos jogos mais viciantes já feitos.

Fora estes e diversos outros casos que já li a respeito, posso atestar o potencial de vício deste MMORPG.

Tenho experiência na área, um longo histórico de jogos iniciando pelo Atari com um foco maior nos computadores. Muitos títulos, igual número de vícios. Apenas exemplificando, pois uma lista completa seria MUITO longa: StreetRod, Dune2, Starcraft, Paciências, Dota, X-Com, SIM qualquer coisa, inúmeros jogos em flash. Também devo mencionar dois anos de baixo aproveitamento universitário por causa de Diablo2.

Hoje sonhei ter publicado novamente. Acordei pensando se poderia ser um ato do inconsciente bêbado, algo muito comum quando se deixa o computador ligado e sai para chapar o coco. Sempre penso que na volta ainda vou querer jogar WoW tanto quanto na saída, mas algumas vezes, impedido pelo cansaço, opto apenas por navegar um pouco. Comecei a imaginar o tipo de besteiras que poderia ter escrito, quantas pessoas teria ofendido ou idéias estuprado.

Acesso para verificar, no mínimo estariam garantidas algumas risadas. Nada, resolvo escrever sobre o vício para me manter afastado por alguns momentos.

Como é o jogo? Imagine uma espécie de paciência com diferentes níveis de dificuldades. Ao vencer os níveis fáceis o jogador ganha recompensas que facilitam os níveis mais difíceis, que por sua vez oferecem recompensas melhores. Acrescente gráficos fantásticos, um mundo a ser explorado e outros itens acessórios. Também existe a possibilidade de conversar com os amigos do jogo, eliminando a necessidade de encontrá-los na vida real, o que diminuiria a quantidade de tempo que vc pode jogar.

5 comentários:

Ota disse...

eu to com wow aqui...mas pelo visto não vou começar a jogar tão cedo hehehe
=D

Chapado disse...

Meus motivos são bem menos interessantes: muito trabalho, muito mais do que eu gostaria. Não que não sobre tempo para postar, mas trabalhar dá uma preguiça...

gnorante disse...

Depois de um dia de trabalho é difícil se dedicar a qualquer coisa que seja necessário pensar, por isto jogo WoW. Bom que já parei faz uns 10 dias.

PALANQUE DO BLACKÃO disse...

Caro Chapado,

Pra começo de conversa, teu blog é do caralho! Acabo de incluí-lo como link no PALANQUE DO BLACKÃO! ;)

Quanto ao WoW, a FEEVALE está abrindo o primeiro curso superior em desenvolvimento de games do Brasil neste semestre (2008/1), cujo coordenador é meu colega de orientação prof. Marsal. A tese de doutorado dele divide todas as rotinas básicas do melhor game de todos os tempos em conceitos passíveis de ser montados, desmontados e problematizados na teoria e na prática de uma maneira fascinante.

O game é uma forma de lazer que está tomando conta da sociedade, desenvolvendo novas formas de sociabilidade, de reorganização do ambiente doméstico e também transforma a didática escolar.

Meu objeto de pesquisa são os blogs políticos de esquerda e as relações sociais entre os blogueiros e seus comentadores.

Tenho três blogs:

http://heliopaz.wordpress.com/ - política e mídia

http://blackao.wordpress.com/ - futebol

http://bastantao.wordpress.com/ - vida acadêmica e novas tecnologias.

[]'s,
Hélio

Chapado disse...

Salve, Blackão,

Obrigado pela visita.
Caramba, escolheu bem o tema de pesquisa.

Abraços